Vocês não precisam acreditar, mas Luis Suarez, ele mesmo, 43 gols em 82 jogos pela Seleção Uruguaia, e integrante do ataque que muita gente boa considera o melhor de todos os tempos, ao lado de Messi e Neymar, esteve com um pé no Flamengo. Foi em janeiro de 2006, quando o craque – que é de 24 de janeiro de 1987 – estava próximo de completar 19 anos de idade. E ainda estava no seu clube de coração e origem, o Nacional de Montevidéu. “A expectativa é enorme em torno desse garoto. É um grande investimento”, disse o então vice de Futebol rubro-negro, Kléber Leite. “Só resta ultimar alguns detalhes pelo telefone”, garantiu o dirigente.

 

De acordo com os jornais da época, a avaliação geral feita pelo pessoal da Gávea acabou não sendo positiva, embora não se saiba de quem foi a palavra definitiva

Mas a contratação acabou não ocorrendo. De acordo com os jornais da época, a avaliação geral feita pelo pessoal da Gávea acabou não sendo positiva, embora não se saiba de quem foi a palavra definitiva. Na realidade, porém, o Nacional já havia começado a negociar o jogador com o clube que apresentou efetivamente dinheiro para levá-lo.

Assim, Suarez seguiu para o Groningen, da Holanda, que teria pago algo em torno de 800 mil euros pelo seu passe. De lá, o craque foi para o Ajax, disputando depois três temporadas pelo Liverpool, da Inglaterra, antes de chegar ao Barcelona. Nos dias de hoje, e mordidas à parte, o Flamengo não poderia sonhar em adquirir sequer o pôster do craque. As façanhas do trio MSN que o digam.

 

Foto: Montagem sobre foto de divulgação MIGUEL RUIZ-FCB (site oficial do Barcelona)