Um gol de Vítor Hugo no fim da etapa inicial deu ao Palmeiras a vitória de 1 a 0 sobre o Atlético / PR, na Arena da Baixada, em Curitiba, devolvendo a liderança do Brasileiro ao clube paulista, com três pontos, 39 a 36, na frente do Santos. As mudanças promovidas pelo Rubro-Negro não surtiram efeito, e o Alviverde mostrou sobretudo eficiência, diante de um adversário que ainda não havia perdido em casa no atual campeonato.

A marcação forte de ambos os times, e é claro, a ausência de criatividade, impediu que surgissem oportunidades ao longo do primeiro tempo. Assim o gol só saiu aos 43 minutos, graças a um escanteio cobrado por Dudu, que Vítor Hugo, subindo como um gigante, aproveitou, cabeceando no meio da baliza.

No intervalo, Paulo Autuori trocou Luciano Cabral, peça nula, tentando dar maior poder ofensivo ao Furacão. A expectativa, jogando em casa, era de virada. E a partida continuou equilibrada. Porém, mais interessante, pois as equipes passaram a produzir chances em sequência, deixando o resultado imprevisível. Aos sete, Moisés levantou e Jean não alcançou. Aos 11, Hernâni mandou a pancada de longe, e a bola saiu rente à trave direita. Aos 19, Paulo André cabeceou para defesa espetacular de Jaílson. Aos 21’, Egídio cruzou, Santos falhou, e Jean concluiu para fora, com o goleiro já batido. Aos 25, André Lima visou o cantinho direito, e Jaílson pôs para escanteio.

Restando 10 minutos, Cuca trocou Dudu e Erik, cansados, por respectivamente Rafael Marques e Fabrício. E o Atlético, já no desespero, avançou desordenado em busca do empate. O esforço, no entanto, não foi suficiente. Os times voltam a jogar no domingo, dia 21.

O Atlético enfrenta o Atlético-MG, em Belo Horizonte, e o Palmeiras recebe a Ponte Preta, em São Paulo.

 

ATLÉTICO / PR 0 x 1 PALMEIRAS

Data: Domingo, 14 de agosto de 2016.

Competição: Campeonato Brasileiro / 20ª rodada.

Local: Estádio Joaquim Américo / Arena da Baixada, em Curitiba / PR.

Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves de Lima, Leirson Sena Martins e Maurício Coelho Silva Penna / RS.

Gol: Vítor Hugo 43’.

ATLÉTICO: Santos, Léo (Mathias Rosseto 27’), Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Hernâni, Lucas Fernandes e Yago (Marcos Guilherme 73’); Luciano Cabral (André Lima – intervalo) e Walter. Técnico: Paulo Autuori de Mello.

PALMEIRAS: Jaílson, Jean, Vitor Hugo, Thiago Martins e Egídio; Thiago Santos, Tchê Tchê, Moisés e Roger Guedes (Cleiton Xavier 76’); Dudu (Rafael Marques 84’) e Erik (Fabrício 87’). Técnico: Alex Stival – Cuca.

Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras