Flamengo e América Futebol Clube fazem no sábado, 21 de abril, no Maracanã, o 11º jogo entre ambos pelo Brasileiro. No ano passado não houve confronto, pois a equipe de Minas disputava a Série B. Os últimos jogos aconteceram em 2016. O Rubro-Negro tem pequena vantagem na história no campeonato: venceu cinco, e o adversário, duas.

A primeira partida ocorreu no Mineirão, em 1971, e a última, em 2016, no mesmo estádio. O Flamengo brigava por vaga na Libertadores. E o América já estava rebaixado. O Urubu abateu o Coelho por 1 a 0, gol de Éverton no primeiro tempo.

Vale lembrar que a CBF tornou oficiais, em dezembro de 2010, como campeonatos nacionais, os torneios disputados a partir de 1959, a Taça Brasil (1959-1968) e o Roberto Gomes Pedrosa (1967-1970). Mas Flamengo e América nunca se enfrentaram nas duas competições.

É importante ressaltar ainda que não houve cruzamento dos clubes no Brasileiro de 1974 a 1979, e de 1993 a 1995, por conta de regulamentos diferentes. De 1980 a 1986, em 1988, 1989, 1991, 1992, 1996, 1997, 1999, de 2002 a 2004, em 2010, de 2012 a 210e, e em 2017, porque o América estava na Série B. Em 1987, 1990, 2005, 2006, 2008 e 2009, porque o clube de Minas disputava a Série C, e em 2007, quando o Coelho não participou de nenhuma das divisões do Brasileiro.

Confira agora os detalhes dos 10 jogos.

1º jogo

FLAMENGO 1 x 1 AMÉRICA

Data: Quarta-feira, 2 de setembro de 1971.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupo B / 7ª rodada / Confederação Brasileira de Desportos.

Local: Estádio Governador Magalhães Pinto / Mineirão, em Belo Horizonte / MG.

Arbitragem: Dulcídio Wanderley Boschilla – SP, Dagomir Sacramento – MG e Jarbas de Castro Pedra – MG / CBD.

Público: 7.987 espectadores.

Gols: Rodrigues Neto 46’ e Amauri 55′.

FLAMENGO: Ubirajara Alcântara, Aloísio, Fred, Reyes e Paulo Henrique; Zanata, Renato e Rodrigues Neto; Rogério, Samarone (Buião 68’) e Zico. Técnico: Manuel Agustín Fleitas Solich – Fleitas Solich / Paraguai.

AMÉRICA: Nego, Misael, Café, Alemão (Dias 24’) e Cláudio; Pedro Omar e Amauri; Julinho, Dirceu, Jair Bala e Hílton (Carlinhos – intervalo). Técnico: Aírton Moreira.

(*) Antes do jogo foram realizadas várias homenagens ao sexto aniversário do Mineirão.

2º jogo

FLAMENGO 0 x 2 AMÉRICA

Data: Sábado, 11 de novembro de 1972.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / 19ª rodada / Confederação Brasileira de Desportos.

Local: Estádio Governador Magalhães Pinto / Mineirão, em Belo Horizonte / MG.

Arbitragem: Dulcídio Wanderley Boschilla – SP, Hélio Cosso – MG e Jarbas de Castro Pedra – MG / CBD.

Público: 3.471 espectadores.

Gols: Tião 2’ e Hélio 53’.

FLAMENGO: Renato, Moreira, Chiquinho Pastor, Reyes e Mineiro; Zanata (Arílson 60’), Liminha e Paulo César Lima; Rogério (Dionísio 60’), Doval e Fio. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

AMÉRICA: Élcio (Nego – intervalo), Augusto, Vander, Luiz Alberto e Cláudio; Pedro Omar e Juca Show; Ely, Cândido, Hélio (Rangel 85’) e Tião. Técnico: Dorival Knippel – Yustrich.

3º jogo

FLAMENGO 1 x 1 AMÉRICA

Data: Sábado, 17 de novembro de 1973.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupo B / 21ª rodada / CBD.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Arbitragem: Armando Nunes Castanheira da Rosa Marques – SP, Max Charles Falzeta – SP e Zeno Escobar Barbosa – RS / Confederação Brasileira de Desportos.

Público: 7.944 espectadores.

Gols: Netinho 21’ e Zico 78’ (pênalti – falta de Juca Show em Zico).

FLAMENGO: Ubirajara Alcântara, Moreira, Chiquinho Pastor, Reyes e Rodrigues Neto (Mineiro 77’); Liminha, Geraldo e Paulo César Lima; Rogério, Paulinho Carioca (Zico – intervalo) e Dario. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

AMÉRICA: Neneca, Luiz Carlos, Vander, Luiz Alberto e Cláudio; Pedro Omar e Spencer; Netinho (Mário 69’), Juca Show, Cândido e Édson. Técnico: Orlando Fantoni.

4º jogo

FLAMENGO 2 x 0 AMÉRICA

Data: Domingo, 1º de novembro de 1998.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 18ª rodada / Confederação Brasileira de Futebol.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Arbitragem: Luciano Augusto Teotônio Almeida – DF, Arnaldo Menezes Pinto Filho – DF e Eremílson Xavier Macedo – DF / CBF.

Expulsão: Evanílson 63’ (falta por trás em Caio).

Público: 23.755 espectadores.

Gols: Iranildo 46’ e Beto 71’.

FLAMENGO: Clemer, Fábio Baiano, Fabão, Ricardo Rocha e Leonardo; Marcos Assunção, Jorginho, Iranildo (William 83’) e Beto; Caio e Romário. Técnico: Evaristo de Macedo Filho.

AMÉRICA: Gilberto, Isasi (Evanílson 58’), Júnio, Dênis e Luciano (Mílton 50’); Gilberto Silva, Jean, Taú (Tupãzinho 74’) e Dutra; Somália e Dimba. Técnico: Vantuir Galdino.

5º jogo

FLAMENGO 1 x 2 AMÉRICA

Data: Quarta-feira, 18 de outubro de 2000.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 17ª rodada / Confederação Brasileira de Futebol.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Arbitragem: Luciano Augusto Teotônio Almeida – DF, Jorge Paulo Oliveira Gomes – DF e Rogério Monteiro Oliveira – DF / CBF.

Público: 4.247 espectadores.

Gols: Petkovic 9’ (pênalti – falta de Paulo César em Alex) e Zé Afonso 64’ e 81’.

FLAMENGO: Clemer, Bruno Carvalho, Fernando, Ronaldo Azevedo e Maurinho (Rocha 71’); Leandro Ávila, Mozart, Alex e Petkovic (Lê 58’); Edílson (Reinaldo 58’) Adriano Imperador. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

AMÉRICA: Milagres, Paulo César, Wellington Paulo, Flávio e Augusto; Edgar, Claudinei e Pintado; Tucho (Ruy 87’), Celso (Henrique 56’) e Zé Afonso. Técnico: Jair Pereira da Silva – Jair Pereira.

6º jogo

FLAMENGO 1 x 1 AMÉRICA

Data: Domingo, 9 de setembro de 2001.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 10ª rodada / Confederação Brasileira de Futebol.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 23.285 espectadores.

Arbitragem: Cléber Wellington Abade – SP, Hilton Francisco de Melo – SP e Manoel Andrade Filho – SP / CBF.

Expulsão: Jorginho 52′ (falta violenta em Édson).

Gols: Reinaldo 42′ e Ruy 69′.

FLAMENGO: Júlio César, Alessandro, Juan, André Bahia e Cássio; Jorginho, Vampeta (Rocha 82′), Beto e Petkovic; Reinaldo e Edílson. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

AMÉRICA-MG: Ranielle, Édson, Wellington Paulo, Aldo e Michael; Ricardo, Chicão, Ruy e Fabrício; Somália e Mirandinha (Rodrigo 74′). Técnico: Luiz Carlos Bezerra Pereira – Lula Pereira.

7º jogo

FLAMENGO 3 x 2 AMÉRICA

Data: Quarta-feira, 29 de junho de 2011.

Competição: Campeonato Brasileiro / 7ª rodada / Confederação Brasileira de Futebol.

Local: Estádio José Henrique Nogueira / Arena do Jacaré, em Sete Lagoas / MG.

Público: 7.475 espectadores.

Arbitragem: Wagner Reway – MT, Fábio Rodrigo Rubinho – MT e Joadir Leite Pimenta – MT / CBF.

Expulsão: Leandro Ferreira 72’ (falta violenta em Willians).

Gols: Ronaldinho Gaúcho 10’ e 84’, Alessandro 38’, Anderson 45’ e Deivid 57’.

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Welinton, Ronaldo Angelim e Júnior César; Luiz Antônio (Guilherme Negueba – intervalo), Willians (Bottinelli 73’), Renato e Tiago Neves, Ronaldinho Gaúcho e Deivid (Diego Maurício 77’). Técnico: Vanderlei Luxemburgo da Silva – Vanderlei Luxemburgo.

AMÉRICA: Flávio, Marcos Rocha, Anderson, Gabriel Santos e Gílson; Amaral (Kempes 85’), Dudu, Leandro Ferreira e Rodriguinho (Fabrício 67’); Alessandro e Fábio Júnior (William Rocha 73’). Técnico: Mauro Fernandes da Silva – Mauro Fernandes.

8º jogo

FLAMENGO 2 x 1 AMÉRICA

Data: Sábado, 24 de setembro de 2011.

Competição: Campeonato Brasileiro / 26ª rodada / Confederação Brasileira de Futebol.

Local: Estádio João Havelange / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 6.886 pagantes / 9.445 presentes / 2.559 gratuidades.

Arbitragem: Guilherme Ceretta de Lima – SP, Carlos Nogueira Júnior – SP e Fabrício Vilarinho da Silva – GO / CBF.

Gols: Kempes 29’ (pênalti – falta de Bottinelli em Luciano), Deivid 62’ e Tiago Neves 88’.

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Welinton, David e Júnior César; Aírton, Maldonado (Diego Maurício – intervalo), Bottinelli (Thomas – intervalo), Tiago Neves e Renato; Jael (Deivid – intervalo). Técnico: Vanderlei Luxemburgo da Silva – Vanderlei Luxemburgo.

AMÉRICA: Neneca, Micão, Anderson e Otávio; Sheslon (Gláuber 73’), Leandro Ferreira, Amaral, Luciano (Rodriguinho 70’) e Gílson; Kempes (Irênio 77’) e André Dias. Técnico: Givanildo José de Oliveira – Givanildo de Oliveira.

9º jogo

FLAMENGO 2 x 1 AMÉRICA

Data: Segunda-feira, 25 de julho de 2016.

Competição: Campeonato Brasileiro / 16ª rodada / Confederação Brasileira de Futebol.

Local: Estádio Municipal Kléber José de Andrade, em Cariacica / ES.

Público: 14.966 pagantes / 16.523 presentes / 1.557 gratuidades.

Arbitragem: Rodrigo Batista Raposo – DF, Carlos Berkenbrock – SC e Kléber Lúcio Gil – SC / CBF.

Gols: Guerreiro 55’, Alan Patrick 59’ (pênalti – Roger / mão na bola) e Juninho 77’.

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Juan e Chiquinho (Rafael Vaz 72’); Márcio Araújo, Mancuello, William Arão e Alan Patrick (Adryan 86’); Fernandinho (Gabriel 78’) e Guerrero. Técnico: José Ricardo Mannarino – Zé Ricardo.

AMÉRICA: João Ricardo, Pablo, Alison, Roger e Bruno Teles (Danilo 72’); Leandro Guerreiro, Juninho, Alan Mineiro (Claudinei 62’) e Osman; Gílson e Victor Rangel (Michael 62’). Técnico: Enderson Alves Moreira.

10º jogo

FLAMENGO 1 x 0 AMÉRICA

Data: Quarta-feira, 16 de novembro de 2016.

Competição: Campeonato Brasileiro / 35ª rodada / Confederação Brasileira de Futebol.

Local: Estádio Governador Magalhães Pinto / Mineirão, em Belo Horizonte / MG.

Público: 5.268 pagantes / 7.420 presentes / 2.152 gratuidades.

Arbitragem: Raphael Claus – SP, Danilo Ricardo Simon Manis – SP e Rogério Pablos Zanardo – SP / CBF.

Gol: Éverton 32’.

FLAMENGO: Paulo Victor, Pará, Donatti, Juan e Jorge; Márcio Araújo, William Arão, Diego (Cuellar 90’) e Éverton (Gabriel 66’); Fernandinho (Thiago Santos 79’)e Leandro Damião. Técnico: José Ricardo Mannarino – Zé Ricardo.

AMÉRICA: João Ricardo, Jonas, Messias, Alison e Ernandes; Juninho, Leandro Guerreiro (Guilherme Xavier 87’), Tony e Danilo Barcelos (Nílson 72’); Michael e Nixon (Sávio – intervalo). Técnico: Enderson Alves Moreira.

Campeonato Brasileiro (1967 – 2017)

————————————————-

– Jogos válidos: 10

– Vitórias do Flamengo: 5

– Vitórias do Flamengo no Estado do Rio de Janeiro: 2

– Vitórias do Flamengo no Estado de Minas Gerais: 2

– Vitórias do Flamengo em campo neutro: 1

– Vitórias do América Mineiro: 2

– Vitórias do América Mineiro no Estado do Rio de Janeiro: 1

– Vitórias do América Mineiro no Estado de Minas Gerais: 1

– Vitórias do América Mineiro em campo neutro: 0

– Empates: 3

– Empates no Estado do Rio de Janeiro: 2

– Empates no Estado de Minas Gerais: 1

– Empates em campo neutro: 0

– Total de gols no confronto: 25

– Média de gols por jogo: 2,5

– Total de gols do Flamengo: 14

– Média de gols do Flamengo: 1,4

– Total de gols do América Mineiro: 11

– Média de gols do América Mineiro: 1,1

– Maior número de gols do Flamengo: Deivid e Ronaldinho Gaúcho / 2

– Maior número de gols do América Mineiro: Zé Afonso / 2

– Técnico com o maior número de jogos no Flamengo: Zagallo / 3

– Técnico com o maior número de jogos pelo Vitória: Enderson Alves Moreira / 2

– Maior público: 23.755 / 1º de novembro de 1998

– Menor público: 3.471 / 11 de novembro de 1972

– Maior invencibilidade: Flamengo / 5 jogos (9/9/01 a 16/11/16)

– Árbitros com os maiores números de atuações: Dulcído Wanderley Boschilla – SP e Luciano Augusto Teotônio Almeida – DF / 2

– Estádios com o maior número de jogos: Maracanã / 4 e Mineirão / 3