Flamengo e Botafogo fazem sábado, 21 de julho, no Maracanã, o 60º jogo entre ambos pelo Brasileiro. O clube da Gávea tem vantagem de 19 a 12 vitórias na história do confronto no campeonato. A primeira partida aconteceu no Maracanã, em 1967, e o Rubro-Negro venceu por 4 a 2. E o Botafogo venceu a última, 2 a 0, no Nilton Santos, em 2017. O Palmeiras foi o campeão de 1967, e o Corinthians, o de 2017. Vale lembrar que a CBF tornou oficiais, em dezembro de 2010, como campeonatos nacionais, os torneios disputados a partir de 1959, a Taça Brasil (1959-1968) e o Roberto Gomes Pedrosa (1967-1970). Flamengo e Botafogo não se enfrentaram na Taça Brasil. No Brasileiro, de 1967 em diante, não houve confronto de 1975 a 1977, em 1979 e 1980, de 1982 a 1984, e em 1986, por conta de regulamentos diferentes. E em 2003 e 2015 porque o Alvinegro estava na Série B. Confira abaixo os detalhes dos 59 jogos e, após as súmulas detalhadas, as estatísticas do confronto.

1º jogo

FLAMENGO 4 x 2 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 12 de abril de 1967.

Competição: Campeonato Brasileiro / Torneio Roberto Gomes Pedrosa / Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / Grupo B / 9ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 25.126 espectadores.

Arbitragem: Cláudio Flávio Magalhães, Geraldino César e Valdir da Rocha Lima / Federação Carioca de Futebol.

Gols: Afonsinho 37’, Ademar Pantera 38’, 44’ e 45’, Américo 54’ e Paulo César Lima 68’ (pênalti – falta de Ditão em Paulo César Lima).

FLAMENGO: Valdomiro, Murilo, Ditão, Jaime e Paulo Henrique; Carlinhos (Jarbas 80’) e Américo (Oswaldo II 69’); Pedrinho, Almir Pernambuquinho, Ademar Pantera (Jair Pereira 84’) e Rodrigues. Técnico: Armando Federico Renganeschi – Armando Renganeschi.

BOTAFOGO: Manga, Paulistinha, Zé Carlos (Carlos Alberto – intervalo), Leônidas e Dimas; Ney Conceição e Afonsinho (Sicupira 57’); Rogério, Aírton (Enos – intervalo), Helinho e Paulo César Lima. Técnico: Admildo de Abreu Chirol – Admildo Chirol.

2º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Sábado, 19 de outubro de 1968.

Competição: Campeonato Brasileiro / Torneio Roberto Gomes Pedrosa / Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / Grupo B / 9ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 23.032 espectadores.

Arbitragem: Armando Nunes Castanheira da Rosa Marques, Luiz Carlos Félix Ferreira e Lourálber Monteiro / Federação Carioca de Futebol.

FLAMENGO: Marco Aurélio, Tinho (Moisés 35’), Manicera, Onça e Paulo Henrique; Carlinhos e Liminha; Luiz Carlos Tatu (Luiz Cláudio – intervalo), Dionísio, Fio, Silva e Rodrigues Neto. Técnico: Válter Miraglia Alves – Válter Miraglia.

BOTAFOGO: Cao, Moreira, Chiquinho Pastor, Leônidas e Valtencir; Carlos Roberto e Afonsinho; Zequinha, Humberto Redes, Jairzinho e Paulo César Lima. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

3º jogo

FLAMENGO 1 x 3 BOTAFOGO

Data: Domingo, 9 de novembro de 1969.

Competição: Campeonato Brasileiro / Torneio Roberto Gomes Pedrosa / Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / Grupo A / 13ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 37.578 espectadores.

Arbitragem: José Clemente de Oliveira / Federação Paulista de Futebol, Carlos Floriano Vidal / Federação Carioca de Futebol e Luiz Carlos de Oliveira / Federação Carioca de Futebol.

Gols: Paulo César Lima 27’, Paulo Henrique 35’, Humberto Redes 72’ e Jairzinho 86’.

FLAMENGO: Sidney, Murilo, Manicera, Tinho e Paulo Henrique; Liminha e Alves (Carlinhos 76’); Dionísio, Nei Oliveira, Bianchini e Arílson (Tinteiro 61’). Técnico: Elba de Pádua Lima – Tim.

BOTAFOGO: Cao, Moreira, Chiquinho Pastor, Moisés e Valtencir; Carlos Alberto e Afonsinho; Rogério, Ferreti (Humberto Redes 53’), Jairzinho e Paulo César Caju. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

4º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 25 de outubro de 1970.

Competição: Campeonato Brasileiro / Torneio Roberto Gomes Pedrosa / Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 7ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 59.083 espectadores.

Arbitragem: José Aldo Pereira, Guálter Portela Filho e José Marçal Filho / Federação Carioca de Futebol.

BOTAFOGO: Ubirajara Mota, Moreira, Moisés, Leônidas e Valtencir; Ney Conceição e Paulo César Lima; Rogério (Zequinha 75’), Roberto Miranda, Nílson Dias e Torino. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

FLAMENGO: Ubirajara Alcântara, Murilo, Washington, Reyes e Paulo Henrique; Zanata e Liminha; Dario, Nei Oliveira (Adãozinho 71’), Fio e Caldeira. Técnico: Dorival Knippel – Yustrich.

5º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Sábado, 14 de agosto de 1971.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / 3ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 23.953 espectadores.

Arbitragem: Arnaldo David César Coelho, Artur Ribeiro Araújo e Luiz Carlos Félix Ferreira / Federação Carioca de Futebol.

Gols: Rogério 28’ e Paulo César Lima 71’ (pênalti – Reyes / mão na bola).

BOTAFOGO: Ubirajara Mota, Mura, Brito, Osmar e Valtencir; Carlos Roberto e Luis Cláudio; Zequinha, Roberto Miranda, Silva (Ney Oliveira – intervalo) e Paulo César Lima. Técnico: Egídio “Paraguaio” Landolfi.

FLAMENGO: Ubirajara Alcântara, Aloísio, Fred, Reyes e Paulo Henrique; Liminha, Zé Eduardo (Fio 72’) e Rodrigues Neto; Rogério (Buião – intervalo), Zico e Samarone. Técnico: Manuel Agustín Fleitas Solich.

6º jogo

FLAMENGO 0 x 6 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 15 de novembro de 1972.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupos B x C / 20ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 46.279 espectadores.

Arbitragem: José de Assis Aragão / Federação Paulista de Futebol, Antônio Viug / Federação Carioca de Futebol e Nivaldo dos Santos / Federação Carioca de Futebol.

Gols: Jairzinho 15’, 68’ e 83’, Fischer 35’ e 41’ e Ferreti 87’.

FLAMENGO: Renato, Moreira, Chiquinho Pastor, Tinho e Rodrigues Neto; Zanata (Mineiro – intervalo), Liminha e Paulo César Lima; Rogério (Caio Cambalhota – intervalo), Fio e Humberto Redes. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

BOTAFOGO: Cao, Mauro Cruz, Osmar, Valtencir e Marinho Chagas; Carlos Roberto, Ney Conceição e Ademir Vicente (Marco Aurélio 80’); Zequinha, Fischer (Ferreti 84’) e Jairzinho. Técnico: Sebastião Leônidas.

7º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 9 de dezembro de 1973.

Competição: Campeonato Brasileiro / Segunda Fase / Grupo 1 / 7ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 27.759 espectadores.

Arbitragem: Antônio Viug, Azencléver Barreto Fernandes e José Silveira / Federação Carioca de Futebol.

Gol: Zico 26’.

FLAMENGO: Renato, Moreira, Chiquinho Pastor, Reyes e Mineiro; Paulo Roberto, Afonsinho (Zé Mário 88’) e Rodrigues Neto; Rogério, Doval (Dario 77’) e Zico. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

BOTAFOGO: Cao, Edmílson, Nilo, Nilson Andrade e Marinho Chagas; Carlos Roberto, Ney Conceição e Dirceu; Zequinha, Tuca (Puruca – intervalo) e Nilson Dias. Técnico: Egídio Landolfi – Paraguaio.

8º jogo

FLAMENGO 2 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 9 de junho de 1974.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupo A 18ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 45.200 espectadores.

Arbitragem: José Roberto Ramiz Wright, Carlson Gracie e Edir Pires Teixeira / Federação Carioca de Futebol.

Expulsão: Carbone 63’ (ofensas ao árbitro).

Gols: Doval 13’ e Zico 31’.

FLAMENGO: Cantarelli, Rondinelli, Jaime, Luiz Carlos (Chiquinho Pastor 72’) e Ney Rosa; Liminha e Geraldo (Zé Mário 80’); Paulinho Carioca, Doval e Zico. Técnico: Joubert Luiz Meira – Joubert.

BOTAFOGO: Jair Bragança, Miranda, Mauro Cruz, Osmar e Valtencir; Carlos Roberto, Carbone e Tuca; Roberto Carlos (Ney Conceição 65’), Nilson Dias e Fischer. Técnico: Osvaldo Sampaio Júnior – Paulistinha.

9º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 28 de maio de 1978.

Competição: Campeonato Brasileiro / Segunda Fase / Grupo I / 3ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 74.434 espectadores.

Arbitragem: José Roberto Ramiz Wright, Amauri Ponciano de Aguiar e Eduardo Figueiredo Monteiro / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Tita 48’ e Manfrini 57’.

FLAMENGO: Cantarelli, Ramirez, Rondinelli, Dequinha e Júnior; Merica, Carpegiani e Adílio; Júnior Brasília (Evilásio 85’), Radar (Valdo 66’) e Tita. Técnico: Joubert Luiz Meira – Joubert.

BOTAFOGO: Zé Carlos, Perivaldo, Osmar, René e Serginho; Luisinho Rangel, Mendonça (Manfrini – intervalo) e Paulo César Lima; Cremílson (Clóvis 71’), Nilson Dias e Dé. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

10º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 2 de julho de 1978.

Competição: Campeonato Brasileiro / Terceira Fase / Grupo S / 1ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 53.848 espectadores.

Arbitragem: Valquir Magalhães Pimentel, José Carlos Moura e José Gabriel da Silva / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Carpegiani 23’ e Dé 49’.

FLAMENGO: Cantarelli, Ramirez, Rondinelli, Dequinha e Júnior; Merica, Carpegiani e Adílio; Júnior Brasília, Cláudio Adão e Luis Paulo (Paulo César Barros 82’). Técnico: Joubert Luiz Meira – Joubert.

BOTAFOGO: Zé Carlos, Perivaldo, Fred, René e Rodrigues Neto; Wescley, Mendonça (Clóvis 80’) e Paulo César Lima; Cremílson, Manfrini (João Paulo 65’) e Dé. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

11º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Quinta-feira, 16 de abril de 1981.

Competição: Campeonato Brasileiro / Quartas de Final / Ida.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 117.117 espectadores.

Arbitragem: Romualdo Arpi Filho, José Renato de Oliveira Fidalgo e Venivaldo Rangel / Federação Paulista de Futebol.

Expulsão: Nunes 73’ (falta violenta em Perivaldo).

FLAMENGO: Raul, Carlos Alberto, Luis Pereira, Marinho e Júnior; Vítor, Andrade e Zico; Tita, Nunes e Adílio (Peu – intervalo). Técnico: Dino Sani.

BOTAFOGO: Paulo Sérgio, Perivaldo, Gaúcho, Zé Eduardo e Gaúcho Lima; Rocha, Ademir Lobo e Mendonça; Ziza (Édson Carpegiani 59’), Mirandinha (Jérson 68’) e Marcelo. Técnico: Paulo de Almeida Ribeiro – Paulinho de Almeida.

12º jogo

FLAMENGO 1 x 3 BOTAFOGO

Data: Domingo, 19 de abril de 1981.

Competição: Campeonato Brasileiro / Quartas de Final / Volta.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 135.487 espectadores.

Arbitragem: José Roberto Ramiz Wright, José Carlos Moura e José Valeriano Correia / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Zico 4’, Mendonça 44’ e 88’ e Jérson 85’.

FLAMENGO: Raul, Carlos Alberto, Luis Pereira, Marinho e Júnior; Vítor, Andrade (Carpegiani 59’) e Zico; Tita, Peu (Anselmo 76’) e Adílio. Técnico: Dino Sani.

BOTAFOGO: Paulo Sérgio, Perivaldo, Gaúcho, Zé Eduardo e Gaúcho Lima; Rocha, Ademir Lobo e Mendonça; Ziza (Édson Carpegiani 59’), Marcelo (Mirandinha 77’) e Jérson. Técnico: Paulo de Almeida Ribeiro – Paulinho de Almeida.

(*) Os dois Carpegiani são irmãos.

13º jogo

FLAMENGO 1 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 10 de fevereiro de 1985.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupos A x B / 5ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 60.398 espectadores.

Arbitragem: Wilson Carlos dos Santos, Luiz Carlos Gonçalves – Cabelada e Roberto Costa / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Bebeto 45’, Elói 74’ e Leiz 87’.

FLAMENGO: Cantarelli, Jorginho, Leandro, Mozer e Adalberto; Andrade, Adílio e Gilmar; Bebeto, Chiquinho e Marco Antônio Rodrigues. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

BOTAFOGO: Luis Carlos, Josimar, Marinho, Leiz e Vagner; Ademir, Alemão e Renato;. Helinho, Baltazar (Antônio Carlos 70’) e Elói. Técnico: Jorge Silva Vieira – Jorge Vieira.

14º jogo

FLAMENGO 6 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 24 de março de 1985.

Competição: Campeonato Brasileiro / Segunda Fase / Grupos A x B / 5ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 68.734 espectadores.

Arbitragem: José Roberto Ramiz Wright, Élson Rodrigues Pessoa e Hélio Tavares Miranda / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Elói 3’, Adalberto 10’ e 88’, Heyder 40’, Adílio 46’, Chiquinho 47’ e Gilmar 90’.

FLAMENGO: Fillol, Jorginho, Guto, Mozer e Adalberto; Andrade, Adílio e Gilmar; Heyder, Chiquinho e Paulo Henrique (Adílson Heleno 77’). Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

BOTAFOGO: Luis Carlos, Josimar, Cristiano, Leiz e Rufino; Ademir, Alemão e Elói;. Helinho, Renato (Baltazar – intervalo) e Berg (Antônio Carlos 57’) e Elói. Técnico: Abel Carlos da Silva Braga – Abel Braga.

15º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Sábado, 24 de outubro de 1987.

Competição: Campeonato Brasileiro / Segunda Fase / Grupo A / 1ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 73.461 espectadores.

Arbitragem: Dulcídio Wanderley Boschilla, Edmar Soares e Sebastião Gomes de Araújo / Federação Paulista de Futebol

Gol: Jorginho 41’.

FLAMENGO: Zé Carlos, Jorginho, Leandro, Edinho e Aírton (Leonardo 72’); Andrade, Aílton e Zinho; Renato Gaúcho, Bebeto (Flávio Campos 62’) e Kita. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

BOTAFOGO: Alvez, Josimar, Vagner, Wilson Gottardo e Melo; Carlos Alberto Santos, Luisinho (Carlos Magno 58’) e Jéferson (Éder – intervalo); Maurício, Toni e Berg. Técnico: José Carlos Bernardo – Zé Carlos.

16º jogo

FLAMENGO 2 x 2 BOTAFOGO

Nos pênaltis: Flamengo 5 x 4 Botafogo.

Data: Domingo, 2 de outubro de 1988.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupos A x B / 6ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 32.616 espectadores.

Arbitragem: Nei Andrade Nunesmaia, Cláudio Falcão Seixas e William Cavalcanti Lima / Federação Baiana de Futebol.

Expulsões: Alcindo 64’ (ofensas ao árbitro) e Wilson Gotardo 69’ (mão na bola / segundo cartão amarelo).

Gols: Paulinho Criciúma 20’, Sérgio Araújo 25’ e 52’ e Jéferson 54’ (pênalti – falta de Luvanor em Jéferson).

Nos pênaltis: Zinho (1 a 0), Carlos Magno (1 a 1), Luvanor (2 a 1), Josimar (2 a 2), Leonardo (3 a 2), Jéferson (3 a 3), Aílton (4 a 3), Vítor (4 a 4), Aldair (5 a 4) e Cláudio Adão (fora).

BOTAFOGO: Gabriel, Josimar, Wilson Gottardo, Mauro Galvão e Renato Martins; Luisinho (Vítor), Carlos Magno e Paulinho Criciúma; Helinho, Cláudio Adão e Jéferson. Técnico: Jair Pereira da Silva – Jair Pereira.

FLAMENGO: Cantarelli, Aílton, Aldair, Dario Pereyra e Leonardo; Paulo Martins, Luvanor e Zinho; Sérgio Araújo, Renato Laércio (Márcio) e Alcindo. Técnico: João Carlos da Silva Costa – João Carlos Costa.

(*) O regulamento do Brasileiro de 1988 determinava que as partidas que terminassem empatadas deveriam ser decididas em cobranças de pênaltis.

17º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 20 de setembro de 1989.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupo A / 4ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 40.521 espectadores.

Arbitragem: Aloísio de Oliveira Viug, Luiz Paulo Reis e Teodoro Castro Lino / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gol: Aílton 6’.

FLAMENGO: Zé Carlos, Josimar, Márcio Rossini, Fernando e Leonardo; Uidemar, Aílton e Zinho; Renato Gaúcho (Nando 83’), Alcindo e Borghi (Júnior 58’). Técnico: João Carlos da Silva Costa – João Carlos Costa.

BOTAFOGO: Ricardo Cruz, Paulo Roberto, Wilson Gotardo, Mongol e Marquinhos; Carlos Alberto Santos, Luisinho e Paulinho Criciúma (Gustavo 64’); Maurício, Donizete e Valdeir. Técnico: Valdir Atahualpa Ramirez Espinoza – Valdir Espinoza.

18º jogo

FLAMENGO 0 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 30 de setembro de 1990.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupos A x B / 8ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 71.634 espectadores.

Arbitragem: Luis Carlos Félix Ferreira, Dilermando Sampaio e João José Loureiro / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gol: Vivinho 84’.

FLAMENGO: Zé Carlos, Josimar, Vitor Hugo, Rogério e Piá; Júnior, Aílton e Nélio; Renato Gaúcho, Gaúcho (Marquinhos 80’) e Zinho (Paulinho Primo 73’). Técnico: Jair Pereira da Silva – Jair Pereira.

BOTAFOGO: Ricardo Cruz, Paulo Roberto, Gílson Jader, Wilson Gottardo e Renato Martins; Carlos Alberto Santos, Luisinho e Djair (Juninho 64’); Vivinho (Pingo 86’), Valdeir e Carlos Alberto Dias. Técnico: Valdir Atahualpa Ramirez Espinoza – Valdir Espinoza.

(*) Zé Carlos defendeu pênalti (falta de Vitor Hugo em Valdeir) cobrado por Paulo Roberto aos 10 minutos.

19º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 28 de abril de 1991.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 16ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 50.646 espectadores.

Arbitragem: Cláudio Rodrigues Vinícius Cerdeira, Luiz Paulo Peres e Vander José de Carvalho / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

FLAMENGO: Gilmar, Aílton, Adílson, Wilson Gotardo e Piá (Rogério 49’); Charles Guerreiro, Júnior, Marquinhos e Marcelinho Carioca (Zinho 75’); Alcindo e Gaúcho. Técnico: Vanderlei Luxemburgo da Silva – Vanderlei Luxemburgo.

BOTAFOGO: Ricardo Cruz, Paulo Roberto, André, Hugo de Leon e Jéferson; Carlos Alberto Santos, Pingo e Valdeir; Renato Gaúcho, Vivinho e Pichetti. Técnico: Valdir Atahualpa Ramirez Espinoza – Valdir Espinoza.

20º jogo

FLAMENGO 2 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 2 de fevereiro de 1992.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 3ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 37.834 espectadores.

Arbitragem: José Roberto Ramiz Wright, Dilermando Sampaio e Paulo Jorge Alves / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Valdeir 12’, Júnior 49’, Piá 69’ e Chicão 72’.

FLAMENGO: Gilmar, Charles Guerreiro, Wilson Gottardo, Rogério e Piá; Uidemar, Júnior, Djalminha (Fabinho 65’) e Zinho; Paulo Nunes e Gaúcho. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

BOTAFOGO: Palmieri, Odemilson, Gilson Jader, Válber (Jéferson Gaúcho 67’) e Jéferson; Carlos Alberto Santos, Pingo e Carlos Alberto Dias e Valdeir; Renato Gaúcho (Vivinho 73’) e Chicão. Técnico: Gilberto Alves – Gil.

21º jogo

FLAMENGO 3 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 12 de julho de 1992.

Competição: Campeonato Brasileiro / Decisão / Ida.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 102.547 pagantes / 117.615 presentes / 15.068 gratuidades.

Arbitragem: José Roberto Ramiz Wright, Luiz Antônio Barbosa e Paulo Jorge Alves / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Júnior 15′, Nélio 34′ e Gaúcho 38′.

Expulsão: Márcio Santos 66’ (falta violenta em Júlio César).

FLAMENGO: Gilmar, Fabinho, Wilson Gottardo, Júnior Baiano e Piá; Uidemar, Júnior, Nélio (Paulo Nunes 75’) (Marcelinho Carioca 86’) e Zinho; Júlio César Imperador e Gaúcho. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

BOTAFOGO: Ricardo Cruz, Odemílson, Renê, Márcio Santos e Válber; Carlos Alberto Santos, Pingo e Carlos Alberto Dias; Renato Gaúcho, Valdeir e Picchetti (Vivinho – intervalo). Técnico: Gilberto Alves – Gil.

22º jogo

FLAMENGO 2 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 19 de julho de 1992.

Competição: Campeonato Brasileiro / Decisão / Volta.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 122.001 pagantes / 145.230 presentes / 23.229 gratuidades.

Arbitragem: José Roberto Ramiz Wright, Léo Feldman e Válter Senra – Bianca / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsões: René 40’ (falta violenta em Zinho) e Wilson Gotardo 85’ (ofensas ao árbitro).

Gols: Júnior 42′, Júlio César Imperador 55′, Pichetti 83′ e Valdeir 88’ (pênalti – falta de Wilson Gotardo em Pingo).

FLAMENGO: Gilmar, Charles Guerreiro, Gélson Baresi, Wilson Gotardo e Piá; Uidemar, Fabinho (Mauro 86’) e Júnior; Júlio César Imperador, Gaúcho e Zinho. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

BOTAFOGO: Ricardo Cruz, Odemílson, Renê, Márcio Santos e Válber; Carlos Alberto Santos, Pingo e Carlos Alberto Dias; Vivinho (Jéferson Gaúcho 70’), Chicão (Pichetti 76’) e Valdeir. Técnico: Gilberto Alves – Gil.

(*) Valdeir cobrou pênalti, que sofreu de Fabinho, aos 58 minutos, para fora.

23º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 26 de setembro de 1993.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupo A / 3ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 35.613 espectadores.

Arbitragem: Daniel Pomeroy, César Felisberto da Silva e Wagner Tardelli de Azevedo / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsão: Fabiano 62’ (falta violenta em Magno).

Gol: Rogério 29′.

FLAMENGO: Gilmar, Jorge Antônio, Júnior Baiano, Rogério e Piá; Fabinho, Charles Guerreiro, Marquinhos e Edu Lima (Magno 59’); Marcelinho Carioca e Nélio. Técnico: Leovegildo Lins Gama Júnior – Júnior.

BOTAFOGO: William, Eliomar (Aléssio 52’), André, Cláudio e Clei; China, Fabiano e Perivaldo; Marcelo (Marcos Paulo 52’), Sinval e Eliel. Técnico: Carlos Alberto Torres.

24º jogo

FLAMENGO 2 x 0 BOTAFOGO

Data: Sexta-feira, 12 de novembro de 1993.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupo A / 8ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 20.770 espectadores.

Arbitragem: Jorge José Emiliano dos Santos – Margarida, Paulo Jorge Alves e Teodoro Castro Lino / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsões: André 63’ (falta violenta em Nélio) e Jorge Antônio 86’ (reclamação ao árbitro após segundo cartão amarelo).

Gols: Casagrande 5’ e Júnior Baiano 56’ (pênalti – André / mão na bola).

FLAMENGO: Gilmar, Charles Guerreiro, Júnior Baiano, Rogério e Marcos Adriano; Éder Lopes, Marquinhos, Marcelinho Carioca e Nélio; Casagrande (Jorge Antônio – intervalo) e Renato Gaúcho. Técnico: Leovegildo Lins Gama Júnior – Júnior.

BOTAFOGO: Wagner, Perivaldo, André, Rogério Pinheiro e André Duarte; Nélson, Suélio e Dedé (Marcos Paulo 65’); Robson, Sinval e Regílson (Aléssio 66’). Técnico: Carlos Alberto Torres.

25º jogo

FLAMENGO 0 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 16 de outubro de 1994.

Competição: Campeonato Brasileiro / Segunda Fase / Grupo F / 4ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 16.932 espectadores.

Arbitragem: Léo Feldman, Paulo Jorge Alves e Ubiraci Damásio de Oliveira / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsão: Serginho 72’ (falta violenta em Mauricinho).

Gol: Juninho 69’.

FLAMENGO: Gilmar, Jura, Gelson Baresi, Paulo Paiva e Serginho; Charles Guerreiro, Fabinho, Hugo (Rodrigo Mendes 59’) e Marquinhos (Paulo Nunes – intervalo); Nélio e Sávio. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

BOTAFOGO: Carlão, Perivaldo (Márcio Borges 86’), Márcio Teodoro, Rogério Pinheiro e Jéferson; Bonamigo, Moisés, Beto e Juninho; Mauricinho (Marcelo 70’) e Túlio. Técnico: Renato Trindade de Souza – Renato Trindade.

(*) Carlão defendeu pênalti (falta de Rogério em Nélio) cobrado por Nélio a0s 20 minutos.

26º jogo

FLAMENGO 1 x 3 BOTAFOGO

Data: Domingo, 24 de setembro de 1995.

Competição: Campeonato Brasileiro / Primeira Fase / Grupo A / 8ª rodada.

Local: Estádio Aderaldo Plácido Castelo, em Fortaleza / CE.

Público: 74.114 espectadores.

Arbitragem: Francisco Dacildo Mourão de Albuquerque, César Augusto Sarmento e Manuel Márcio Messias Torres / Federação Cearense de Futebol.

Gols: Túlio 22’, Gonçalves 58’, Edmundo 86’ e Marcelo Alves 90’.

FLAMENGO: Paulo César, Agnaldo, Cláudio (Robson – intervalo), Ronaldão e Leonardo Inácio (Rodrigo Mendes 76’); Pingo, Márcio Costa (Uéslei 70’) e Nélio; Edmundo, Romário e Sávio. Técnico: Washington Carlos Rodrigues – Washington Rodrigues.

BOTAFOGO: Wagner, Wilson Goiano, Gonçalves, Wilson Gottardo e André Silva; Leandro Ávila (Marcelo Alves 26’), Jamir, Sérgio Manoel e Beto (Márcio Teodoro 90’); Donizete (Narcísio 86’) e Túlio. Técnico: Paulo Autuori de Melo – Paulo Autuori.

27º jogo

FLAMENGO 2 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 15 de setembro de 1996.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 10ª rodada.

Local: Estádio Aderaldo Plácido Castelo, em Fortaleza / CE.

Público: 40.896 espectadores.

Arbitragem: Francisco Dacildo Mourão de Albuquerque, Antônio Brito e César Augusto Sarmento / Federação Cearense de Futebol.

Gols: Bebeto 28’ e Iranildo 51’.

FLAMENGO: Zé Carlos, Rivera, Fabiano, Ronaldão e Gilberto; Pingo, Márcio Costa, Mancuso, Fábio Baiano (Pingo 88’) e Marques (Athirson 79’); Bebeto e Iranildo (Aloísio Chulapa 76’). Técnico: Joel Natalino Santana – Joel Santana.

BOTAFOGO: Wagner, Wilson Goiano, Gonçalves, Wilson Gottardo e Jéferson; Souza, Otacílio (Alemão 76’), Cleiton (Marcelo Alves 70’) e Jairo Lenzi (Sorato – intervalo); Mauricinho e Túlio. Técnico: Ricardo Flores Barreto Vasconcellos – Ricardo Barreto.

28º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 31 de agosto de 1997.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 12ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 15.318 espectadores.

Arbitragem: Carlos Eugênio Simon / Federação Gaúcha de Futebol, Paulo Jorge Alves e Teodoro Castro Lino / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsões: Jorge Luiz 71’ (falta violenta em Sávio) e Sávio 81’ (simulação de falta).

FLAMENGO: Clemer, Fábio Baiano, Júnior Baiano, Luiz Alberto e Gilberto; Jamir (Evandro 66’), Jorginho, Iranildo e Lúcio; Renato Gaúcho (Rodrigo Mendes 81’) e Sávio. Técnico: Paulo Autuori de Melo – Paulo Autuori.

BOTAFOGO: Wagner, Wilson Goiano (Ronald 54’), Jorge Luiz, Gonçalves e Marcelo Augusto; Pingo, Marcelinho Paulista, Aílton e Djair; Dimba (Reinaldo 62’) e Bentinho (Marcelo Alves 75’). Técnico: Sebastião Carlos da Silva Rocha – Sebastião Rocha.

29º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 26 de julho de 1998.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 1ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 18.710 espectadores.

Arbitragem: Carlos Eugênio Simon, José Carlos de Oliveira e Marcos Viana Ibañez / Federação Gaúcha de Futebol.

Gols: Marcos Assunção 12’ e Gonçalves 61’.

FLAMENGO: Clemer, Eduardo, Ricardo Rocha, Luiz Alberto e Wagner; Jamir (Iranildo 75’), Marcos Assunção, Beto (Sandro 67’) e Cleisson; Nélio e Caio (Vinícius 40’). Técnico: Joel Natalino Santana – Joel Santana.

BOTAFOGO: Wagner, Estevam, Júlio César, Gonçalves e Lúcio Wagner (Hamilton 88’); Pingo, França, Fábio Augusto (Chiquinho 36’) e Sérgio Manoel; Bebeto e Túlio. Técnico: Paulo Autuori de Melo – Paulo Autuori.

30º jogo

FLAMENGO 1 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 10 de outubro de 1999.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação/ 15ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 33.944 espectadores.

Arbitragem: Jorge Santos Travassos, Antônio Luiz Leitão e Manoel do Couto Ferreira Pires / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Caio 61’, Sandro 67’ e Valdir 89’.

FLAMENGO: Robson, Pimentel (Eduardo 45’), Juan, Luiz Alberto e Athirson; Marcelo Rosa, Maurinho Beto (Rodrigo Mendes 90’) e Fábio Baiano; Caio e Romário. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

BOTAFOGO: Wagner, Luis Paulo, Sandro, Jorge Luiz e Clóvis; Reidner (Baltazar 63’), Marcelinho Paulista, Leandro Augusto e Rodrigo Juliano; Zé Carlos (Darci 85’) e Valdir (Bandoch 90’). Técnico: Antônio Clemente.

31º jogo

FLAMENGO 1 x 3 BOTAFOGO

Data: Sábado, 7 de outubro de 2000.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 15ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 36.533 espectadores.

Arbitragem: Carlos Jorge Lopes Moreira, Aristeu Leonardo Tavares e Manoel do Couto Ferreira Pires / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Donizete 10’, Dênis 36’, Sandro 62’ e Petkovic 75’ (pênalti – Sandro / mão na bola).

FLAMENGO: Júlio César (Clemer 34’), Bruno Carvalho, Ronaldo, Fernando e Athirson; Leandro Ávila, Mozart, Petkovic e Alex (Reinaldo 68’); Edílson e Denílson. Técnico: Luiz Carlos Nunes da Silva – Carlinhos.

BOTAFOGO: Wagner, Vítor, Sandro, Dênis e Misso; Reidner, Marcelinho Paulista, Rodrigo Juliano e Alexandre Gaúcho; Donizete (Magrão 86’) e Zé Carlos (Tinga 75’). Técnico: Antônio Clemente.

32º jogo

FLAMENGO 2 x 2 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 10 de outubro de 2001.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 17ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 9.980 espectadores.

Arbitragem: Samir Yarak, Carlos Henrique Alves de Lima e Marcos Tadeu Peniche Nunes / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsão: Leonardo Moura 65′.

Gols: André Bahia 18′, Marko Ciurlizza 42′, Beto 66′ e Rodrigo Juliano 88′ (pênalti – falta de Cássio em Carlos Alberto).

FLAMENGO: Júlio César, Bruno Carvalho, Juan, André Bahia e Cássio; Rocha, Vampeta, Beto e Alexandre Gaúcho; Roma (Jackson 81′) e Reinaldo. Técnico: Mário Jorge Lobo Zagallo.

BOTAFOGO: Wagner, Leonardo Moura, Tiago, Dênis e Leonardo Inácio; Leandro Ávila, Carlos Alberto, Marko Ciurlizza e Rodrigo Juliano; Artur (Wilson 89′) e Dodô (Cláudio 81′). Técnico: Paulo Autuori de Melo – Paulo Autuori.

33º jogo

FLAMENGO 2 x 0 BOTAFOGO

Data: Sábado, 2 de novembro de 2002.

Competição: Campeonato Brasileiro / Fase de Classificação / 25ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 21.971 espectadores.

Arbitragem: Wagner Tardelli de Azevedo, Manoel do Couto Ferreira Pires e Marcus Vinícius Sá Freire / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Zé Carlos 21′ e Iranildo 68′.

FLAMENGO: Diego, Alessandro, André Dias, André Bahia e Anderson (Anderson Gils 67′); Jorginho, André Gomes, Felipe Mello e Iranildo (Marquinhos 72′); Zé Carlos (Evandro 83′) e Sandro Hiroshi. Técnico: Evaristo de Macedo Filho – Evaristo.

BOTAFOGO: Carlos Germano, Bruno, Odvan, Alan e Leonardo Inácio; Carlos Alberto, Galeano (Geraldo Madureira 65′), Márcio Gomes e Reinaldo (Gilmar 46′); Lúcio e Rodrigão (Daniel 54′). Técnico: Ivo Ardus Wortmann – Ivo Wortmann.

34º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 28 de julho de 2004.

Competição: Campeonato Brasileiro / 19ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 12.590 pagantes / 13.672 presentes / 1.082 gratuidades.

Arbitragem: Ubiraci Damásio de Oliveira, Aristeu Leonardo Tavares e Carlos Henrique Alves de Lima / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

FLAMENGO: Diego; Henrique, Fabiano Eller e André Bahia; Juliano (Júnior 80′), Da Silva, Douglas Silva (Gaúcho 54′), Ibson e Roger  Guerreiro (Júlio César Moraes 63′); Felipe e Jean. Técnico: Jorge Luiz Andrade da Silva – Andrade.

BOTAFOGO: Jéferson, Ruy, Gustavo, Scheidt e Renatinho; Fernando, Túlio (Carlos Alberto 81′), Valdo e Almir; Raúl Estevez e Gláucio (Schwenk 13′). Técnico: Mauro Geraldo Galvão – Mauro Galvão.

35º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 21 de novembro de 2004.

Competição: Campeonato Brasileiro / 42ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 28.172 espectadores.

Arbitragem: Wilson de Souza Mendonça, Erich Bartholomeu Bandeira e Luciano Coelho Cruz / Federação Pernambucana de Futebol.

FLAMENGO: Júlio César, Valentim (China 58′), Valdomiro, André Bahia e Roger Guerreiro; Da Silva (Douglas Silva 66′), Júnior, Ibson e Felipe; Jean e Dimba (Whelliton 73′). Técnico: Jorge Luiz Andrade da Silva – Andrade.

BOTAFOGO: Jéferson, Ruy, Gustavo, Scheidt e Jorginho Paulista; Fernando, Túlio, Elvis (Almir 64′) e Caio; Ricardinho e Alex Alves (Schwenck 83′). Técnico: Paulo Afonso Bonamigo – Paulo Bonamigo

36º jogo

FLAMENGO 2 x 0 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 31 de julho de 2005.

Competição: Campeonato Brasileiro / 16ª rodada.

Local: Estádio Luso-Brasileiro / Ilha do Governador, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 9.723 espectadores.

Arbitragem: William Marcelo Souza Nery, Hilton Moutinho Rodrigues e Marcos Tadeu Peniche Nunes / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Leonardo Moura 66′ e Jean 76.

FLAMENGO: Diego, Leonardo Moura, Renato Silva, Henrique (Rodrigo Arroz 87′) e André; Augusto Recife, Jônatas, Renato Abreu e Souza (Robson 82′); Jean e Bruno Mezenga (Bruno Barbosa 67′). Técnico: Celso Juarez Roth – Celso Roth.

BOTAFOGO: Max, Rafael Marques, Scheidt e Juninho (Reinaldo 74′); César Prates, Jonílson, Túlio, Caio (Almir 63′) e Bill; Alex Alves e Guilherme. Técnico: Péricles Raimundo Oliveira Chamusca – Péricles Chamusca.

37º jogo

FLAMENGO 3 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 6 de novembro de 2005.

Competição: Campeonato Brasileiro / 37ª rodada.

Local: Estádio General Silvio Raulino de Oliveira / Cidadania, em Volta Redonda / RJ.

Público: 16.000 espectadores.

Arbitragem: Sálvio Spínola Fagundes Filho, Luiz Quirino da Costa e Válter José dos Reis / Federação Paulista de Futebol.

Expulsão: Rodrigo Arroz 37′ (tapa em Alex Alves).

Gols: Alex Alves 40′, Renato Abreu 67′ (pênalti – falta de Rafael Marques em Souza), Diego Souza 24′ e Leonardo Moura 93′.

FLAMENGO: Diego, Leonardo Moura, Renato Silva, Rodrigo Arroz e André Santos; Jônatas, Júnior (Fernando 40′), Diego Souza (Fabiano 75′) e Renato Abreu; Fellype Gabriel e Josafá (Souza 54′). Técnico: Joel Natalino Santana – Joel Santana.

BOTAFOGO: Lopes, Ruy, Rafael Marques, Emerson e Bill (Rogério Souza – intervalo) (Gláuber 63′); Leandro Carvalho (Ricardinho – intervalo), Jonílson, Juca e Caio; Alex Alves e Reinaldo. Técnico: Celso Juarez Roth – Celso Roth.

38º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 7 de maio de 2006.

Competição: Campeonato Brasileiro / 4ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 27.112 espectadores.

Arbitragem: Evandro Rogério Roman, Gílson Bento Coutinho e Roberto Braatz / Federação Paranaense de Futebol.

Expulsão: Sérgio Manoel 68′ (falta violenta em André).

Gol: Jônatas 65′.

FLAMENGO: Diego, Marcelinho (Rodrigo Arroz 90′), Fernando, Ronaldo Angelim e André; Léo, Léo Medeiros, Jônatas (Goeber 84′) e Walter Minhoca; Vinícius Pacheco e Luizão (Diego Silva 52′). Técnico: Waldemar Lemos de Oliveira – Waldemar Lemos.

BOTAFOGO: Lopes, Flavinho, Rafael Marques, Scheidt e Bill; Tiago Xavier, Ataliba (Diguinho 74′), Claiton (Sérgio Manoel – intervalo) e Zé Roberto; Reinaldo (Christian 78′) e Dodô. Técnico: Carlos Roberto de Carvalho – Carlos Roberto.

39º jogo

FLAMENGO 2 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 10 de setembro de 2006.

Competição: Campeonato Brasileiro / 23ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 16.140 espectadores.

Arbitragem: Leonardo Gaciba da Silva, Altemir Hausmann e José Otávio Dias Bittencourt / Federação Gaúcha de Futebol.

Gols: Rafael Marques 21’ (contra) e Renato Silva 31′.

FLAMENGO: Bruno, Leonardo Moura, Renato Silva, Fernando e Juan; Paulinho, Léo (Júnior 76′), Renato Augusto (Jajá 83′) e Renato Abreu; Obina e Luizão (Horacio Peralta 94′). Técnico: Ney Franco da Silveira Júnior – Ney Franco.

BOTAFOGO: Lopes, Rafael Marques (Wando – intervalo), Juninho e Asprilla; Ruy, Alê, Claiton, Júnior César e Bill (Marcelinho 33′) (Jéferson Feijão 58′); Reinaldo e Lima. Técnico: Alex Stival – Cuca.

40º jogo

FLAMENGO 2 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 27 de maio de 2007.

Competição: Campeonato Brasileiro / 3ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 12.321 espectadores.

Arbitragem: Héber Roberto Lopes, Roberto Braatz e Rogério Carlos Rolim / Federação Paranaense de Futebol.

Gols: Lúcio Flávio 17′, Leonardo 40′, Dodô 44′ e Paulo Sérgio 77′.

FLAMENGO: Bruno, Moisés, Irineu e Ronaldo Angelim; Leonardo Moura, Paulinho (Léo Lima – intervalo), Claiton, Renato Abreu e Juan; Renato Augusto e Leonardo (Paulo Sérgio 53′). Técnico: Ney Franco da Silveira Júnior – Ney Franco.

BOTAFOGO: Júlio César, Renato Silva, Alex (Asprilla 24′) e Diguinho (Juca 75′); Joílson (Adriano Felício 62′), Leandro Guerreiro, Lúcio Flávio, Zé Roberto e Jorge Henrique; André Lima e Dodô. Técnico: Alex Stival – Cuca.

41º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 29 de agosto de 2007.

Competição: Campeonato Brasileiro / 22ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 45.445 pagantes / 52.889 presentes / 7.444 gratuidades.

Arbitragem: José Henrique de Carvalho / Federação Paulista de Futebol, Aristeu Leonardo Tavares e Dibert Pedrosa Moisés / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Juan 34′ e Jorge Henrique 58′.

FLAMENGO: Bruno, Leonardo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Rômulo, Cristian, Ibson e Toró (Obina 55′); Renato Augusto (Paulo Sérgio 62′) e Souza (Rodrigo Arroz 77′). Técnico: Joel Natalino Santana – Joel Santana.

BOTAFOGO: Max, Alessandro (Reinaldo – intervalo), Juninho e Renato Silva; Joílson (Adriano Felício 38′) (Édson Júnior 61′), Túlio, Leandro Guerreiro, Lúcio Flávio e Zé Roberto; Jorge Henrique e Dodô. Técnico: Alex Stival – Cuca.

42º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 27 de julho de 2008.

Competição: Campeonato Brasileiro / 15ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 35.915 pagantes / 39.668 presentes / 3.753 gratuidades.

Arbitragem: Sálvio Spínola Fagundes Filho, Ediney Guerreiro Mascarenhas e Ricardo Maurício Ferreira de Almeida / Federação Paulista de Futebol.

FLAMENGO: Diego, Leonardo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Jaílton, Cristian, Jônatas (Kleberson 55′) e Ibson; Maxi Biancucchi (Éder 68′) e Obina (Paulo Sérgio 83′). Técnico: Luiz Carlos Saroldi – Caio Júnior.

BOTAFOGO: Castillo, Alessandro (Leandro Guerreiro 80′), Renato Silva, André Luiz e Triguinho; Túlio (Gil 72′), Diguinho, Zé Carlos (Lúcio Flávio – intervalo) e Carlos Alberto; Jorge Henrique e Wellington Paulista. Técnico: Ney Franco da Silveira Júnior – Ney Franco.

43º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 9 de novembro de 2008.

Competição: Campeonato Brasileiro / 34ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 20.881 pagantes / 27.038 presentes / 6.157 gratuidades.

Arbitragem: Marcelo de Lima Henrique, Ediney Guerreiro Mascarenhas e Wagner de Almeida Santos / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsão: Eduardo 91′ (falta violenta em Sambueza).

Gol: Kleberson 83′ (pênalti – falta de Renan em Ibson).

FLAMENGO: Bruno, Luisinho, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan (Kleberson 80′); Jaílton, Aírton, Ibson e Sambueza; Maxi Biancucchi (Josiel – intervalo) e Marcelinho Paraíba (Fierro 73′). Técnico: Luiz Carlos Saroldi – Caio Júnior.

BOTAFOGO: Renan, Tiaguinho (Fábio 28′), Renato Silva, André Luiz e Triguinho; Leandro Guerreiro (Lucas Silva 87′), Túlio, Diguinho (Eduardo 89′) e Lúcio Flávio; Jorge Henrique e Carlos Alberto. Técnico: Ney Franco da Silveira Júnior – Ney Franco.

44º jogo

FLAMENGO 2 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 19 de julho de 2009.

Competição: Campeonato Brasileiro / 12ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 29.508 pagantes / 32.153 presentes / 2.645 gratuidades.

Arbitragem: Péricles Bassols Pegado Cortez, Dibert Pedrosa Moisés e Lilian da Silva Fernandes Bruno / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsão: Alessandro 87’ (reclamação ao árbitro).

Gols: Alessandro 34’, Adriano 40’, Renato 71’ e Emerson 88’.

FLAMENGO: Bruno, Wellinton (Camacho 74’), Fabrício e Ronaldo Angelim; Leonardo Moura, Aírton (Maxi Biancucchi 80’), Kleberson, Zé Roberto (Fierro 56’) e Éverton; Emerson e Adriano. Técnico: Alex Stival – Cuca.

BOTAFOGO: Castillo, Emerson (Renato 14’), Juninho e Eduardo; Alessandro, Leandro Guerreiro, Batista, Tiaguinho (Wellington 54’) (Reinaldo 74’) e Lúcio Flávio; Victor Simões e André Lima. Técnico: Ney Franco da Silveira Júnior – Ney Franco.

45º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 25 de outubro de 2009.

Competição: Campeonato Brasileiro / 31ª rodada.

Local: Estádio João Havelange / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 25.192 pagantes / 22.727 presentes / 2.465 gratuidades.

Arbitragem: Luiz Antônio Silva dos Santos, Ediney Guerreiro Mascarenhas e Marco Aurélio dos Santos Pessanha / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gol: Adriano 31’.

FLAMENGO: Bruno, Leonardo Moura, Aírton, Fabrício e Juan (Welinton 87’); Toró, Maldonado, Fierro (Lenon 72’) e Petkovic (Gil 61’); Zé Roberto e Adriano. Técnico: Jorge Luiz Andrade da Silva – Andrade.

BOTAFOGO: Jéferson, Alessandro, Juninho, Wellington e Diego (Jônatas 80’); Leandro Guerreiro, Batista (Victor Simões 58’) e Lúcio Flávio; Reinaldo (Renato 80’), Jobson e André Lima. Técnico: Estevam Soares.

(*) Bruno defendeu pênalti (falta de Aírton em André Lima) cobrado por Lúcio Flávio aos 67 minutos.

46º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Quarta-feira, 14 de julho de 2010.

Competição: Campeonato Brasileiro / 8ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 15.373 pagantes / 20.076 presentes / 4.703 gratuidades.

Arbitragem: Gutemberg de Paula Fonseca, Ediney Guerreiro Mascarenhas e Rodrigo Pereira Jóia / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gol: Paulo Sérgio 68’.

FLAMENGO: Marcelo Lomba, Leonardo Moura, Welinton, Ronaldo Angelim e Juan; Rômulo, Willians, Kleberson e Petkovic (Fabrício 89’); Vinícius Pacheco (Camacho 86’) e Diego Maurício (Paulo Sérgio 59’). Técnico: Rogério Moraes Lourenço – Rogério.

BOTAFOGO: Jéferson, Fahel, Antônio Carlos e Fábio Ferreira; Alessandro, Leandro Guerreiro, Sandro Silva (Edno – intervalo), Lúcio Flávio (Renato Cajá 72’) e Marcelo Cordeiro; Caio (Jobson 65’) e Herrera. Técnico: Joel Natalino Santana – Joel Santana.

47º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Sábado, 2 de outubro de 2010.

Competição: Campeonato Brasileiro / 27ª rodada.

Local: Estádio João Havelange / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 13.182 pagantes / 16.387 presentes / 3.205 gratuidades.

Arbitragem: Gutemberg de Paula Fonseca, Dibert Pedrosa Moisés e Rodrigo Pereira Jóia / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsões: Alessandro 74’ (puxão em Ronaldo Angelim na área após cartão amarelo) e Renato Abreu 77’ (falta violenta em Túlio Souza).

Gols: Lúcio Flávio 36’ e Leonardo Moura 76’.

FLAMENGO: Marcelo Lomba, David, Jean e Ronaldo Angelim; Leonardo Moura, Maldonado, Willians (Correia 81’), Kleberson (Petkovic 67’) e Renato Abreu; Diogo (Diego Maurício 72’) e Deivid. Técnico: Paulo Silas do Prado Pereira – Silas.

BOTAFOGO: Jéferson, Danny Moraes, Leandro Guerreiro e Fábio Ferreira (Márcio Rosário 62’); Alessandro, Túlio Souza (Caio 80’), Somália, Lúcio Flávio e Marcelo Cordeiro; Loco Abreu e Edno. Técnico: Joel Natalino Santana – Joel Santana.

48º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 19 de junho de 2011.

Competição: Campeonato Brasileiro / 5ª rodada.

Local: Estádio João Havelange / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 15.832 pagantes / 20.429 presentes / 4.597 gratuidades.

Arbitragem: Felipe Gomes da Silva, Ediney Guerreiro Mascarenhas e Rodrigo Henrique Correa / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Expulsão: Bottinelli 23’ (simulação de pênalti após cartão amarelo).

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Welinton, David e Júnior César; Willians, Bottinelli, Renato e Tiago Neves (Guilherme Negueba 87’); Ronaldinho Gaúcho (Vanderlei 87’) e Diego Maurício (Luiz Antônio – intervalo). Técnico: Vanderlei Luxemburgo da Silva – Vanderlei Luxemburgo.

BOTAFOGO: Jéferson, Alessandro, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês (Lucas 66’); Marcelo Mattos, Lucas Zen (Bruno Tiago – intervalo), Éverton e Elkeson (Alex – intervalo); Maicossuel e Herrera. Técnico: Luiz Carlos Saroldi – Caio Júnior.

49º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 18 de setembro de 2011.

Competição: Campeonato Brasileiro / 24ª rodada.

Local: Estádio João Havelange / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 22.219 pagantes / 25.670 presentes / 3.451 gratuidades.

Arbitragem: Péricles Bassols Pegado Cortez, Dibert Pedrosa Moisés e Rodrigo Pereira Jóia / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Loco Abreu 25’ e Jael 49’.

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Welinton, Alex Silva e Júnior César; Aírton (Maldonado 76’), Willians, Tiago Neves e Renato; Ronaldinho Gaúcho e Deivid (Jael – intervalo). Técnico: Vanderlei Luxemburgo da Silva – Vanderlei Luxemburgo.

BOTAFOGO: Jéferson, Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos, Renato, Felipe Menezes (Lucas Zen 76’) e Maicossuel (Cidinho 83’); Herrera (Everton 63’) e Loco Abreu. Técnico: Luiz Carlos Saroldi – Caio Júnior.

50º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 26 de agosto de 2012.

Competição: Campeonato Brasileiro / 19ª rodada.

Local: Estádio João Havelange / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 15.090 pagantes / 19.471 presentes / 4.381 gratuidades.

Arbitragem: Péricles Bassols Pegado Cortez, Marcos Aurélio Santos Pessanha e Rodrigo Figueiredo Henrique Correia / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Welinton, Marcos Gonzalez e Ramon; Cáceres, Luiz Antônio (Muralha 87’), Ibson e Thomas (Adryan – intervalo); Guilherme Negueba (Liédson 81’) e Vagner Love. Técnico: Dorival Silvestre Júnior – Dorival Júnior.

BOTAFOGO: Jéferson, Lucas, Brinner (Dória 80’), Fábio Ferreira e Márcio Azevedo; Amaral, Lodeiro, Renato e Seedorf; Andrezinho (Cidinho 73’) e Elkeson. Técnico: Oswaldo de Oliveira Filho – Oswaldo de Oliveira.

51º jogo

FLAMENGO 2 x 2 BOTAFOGO

Data: Sábado, 1º de dezembro de 2012.

Competição: Campeonato Brasileiro / 38ª rodada.

Local: Estádio João Havelange / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 6.674 pagantes / 9.380 presentes / 2.706 gratuidades.

Arbitragem: Felipe Gomes da Silva, Luiz Antônio Muniz de Oliveira e Luiz Cláudio Regazone / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Sassá 5′, Nixon 33′, Vítor Júnior 48′ e Vagner Love 55′.

FLAMENGO: Paulo Victor, Wellington Silva, Renato Santos, Marcos Gonzalez e Ramon; Amaral, Cáceres, Adryan (Wellington Bruno 56′) e Matheus (Hernâne 82′); Nixon (Paulo Sérgio 72′) e Vagner Love. Técnico: Dorival Silvestre Júnior – Dorival Júnior.

BOTAFOGO: Renan, Lennon (Cidinho 72′), Brinner, Fábio Ferreira e Lima; Jádson, Gabriel, Lodeiro e Seedorf (Vítor Júnior 47′); Fellype Gabriel (Renato 28′) e Sassá. Técnico: Oswaldo de Oliveira Filho – Oswaldo de Oliveira

52º jogo

FLAMENGO 1 x 1 BOTAFOGO

Data: Domingo, 28 de julho de 2013.

Competição: Campeonato Brasileiro / 9ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 38.853 pagantes / 52.361 presentes / 13.508 gratuidades.

Arbitragem: Péricles Bassols Pegado Cortez, Luiz Cláudio Regazone e Rodrigo Pereira Jóia / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Rafael Marques 22′ e Elias 94′.

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Wallace, Marcos Gonzalez e João Paulo; Diego Silva (Luiz Antônio – intervalo), Elias, Gabriel (Adryan – intervalo) e Carlos Eduardo (Hernâne 78′); Paulinho e Marcelo Moreno. Técnico: Luiz Antônio Venker Menezes – Mano Menezes.

BOTAFOGO: Jéferson, Gilberto, Dória, Bolívar e Júlio César; Marcelo Mattos, Gabriel (Antônio Carlos 93′), Lodeiro (Lima 88′) e Seedorf; Vitinho (Renato 63′) e Rafael Marques. Técnico: Oswaldo de Oliveira Filho – Oswaldo de Oliveira.

53º jogo

FLAMENGO 1 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 13 de outubro de 2013.

Competição: Campeonato Brasileiro / 28ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 23.718 pagantes / 31.720 presentes / 8.002 gratuidades.

Arbitragem: Grazianni Maciel Rocha, Luiz Antônio Muniz de Oliveira e Wagner de Almeida Santos / Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Gols: Hernâne 13′, Gegê 41′ e Rafael Marques 62′.

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Chicão, Wallace e João Paulo; Amaral, Elias, André Santos (Luiz Antônio 62′) e Carlos Eduardo (Bruninho 65′); Paulinho e Hernâne. Técnico: Jayme de Almeida Filho.

BOTAFOGO: Renan, Edílson, Bolívar, Dória e Júlio César; Marcelo Mattos, Renato, Gegê (Dedé 78′) e Seedorf; Rafael Marques e Alex (Henrique 55′) (Hyuri 88′). Técnico: Oswaldo de Oliveira Filho – Oswaldo de Oliveira.

54º jogo

FLAMENGO 1 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 27 de julho de 2014.

Competição: Campeonato Brasileiro / 12ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 43.412 pagantes / 52.378 presentes / 8.966 gratuidades.

Arbitragem: Wilton Pereira Sampaio, Bruno Raphael Pires e Fabrício Vilarinho da Silva / Federação Goiana de Futebol.

Expulsão: Caceres 94′.

Gol: Alecsandro 33′.

FLAMENGO: Paulo Victor, Leonardo Moura, Marcelo, Wallace e João Paulo; Caceres, Luiz Antônio, Mugni (Canteros 62′) e Éverton (Gabriel 72′); Paulinho (Guilherme Negueba 62′) e Alecsandro. Técnico: Vanderlei Luxemburgo da Silva – Vanderlei Luxemburgo.

BOTAFOGO: Jéferson, Edílson, Bolívar, Dória e Júlio César; Aírton, Bolatti (Zeballos – intervalo), Gabriel e Carlos Alberto (Wallyson 77′); Emerson e Yuri Mamute (Daniel 59′). Técnico: Vágner do Carmo Mancini – Vágner Mancini.

55º jogo

FLAMENGO 1 x 2 BOTAFOGO

Data: Sábado, 25 de outubro de 2014.

Competição: Campeonato Brasileiro / 31ª rodada.

Local: Arena Amazônia, em Manaus / AM.

Público: 39.561 pagantes / 42.391 presentes / 2.830 gratuidades.

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro / Federação Mineira de Futebol, Emerson Augusto de Carvalho / Federação Paulista de Futebol e Fábio Pereira / Federação Tocantinense de Futebol.

Gols: Rogério 33′, Wallyson 66′ e Eduardo da Silva 74′.

FLAMENGO: Paulo Victor, Léo, Marcelo, Samir e Anderson Pico; Amaral, Muralha, Luiz Antônio (Élton – intervalo) e Mugni (Igor Sartori 55′); Gabriel e Nixon (Eduardo da Silva – intervalo). Técnico: Vanderlei Luxemburgo da Silva – Vanderlei Luxemburgo.

BOTAFOGO: Jéferson, Régis, Rodrigo Souto, André Bahia e Júnior César; Andreazzi (Dankler 62′), Gabriel, Bolatti e Carlos Alberto (Ramirez 69′); Rogério (Jobson 78′) e Wallyson. Técnico: Vágner do Carmo Mancini – Vágner Mancini.

56º jogo

FLAMENGO 3 x 3 BOTAFOGO

Data: Sábado, 16 de julho de 2016.

Competição: Campeonato Brasileiro / 15ª rodada.

Local: Estádio Luso-Brasileiro / Ilha do Governador, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 9.989 pagantes / 11.692 presentes / 1.703 gratuidades.

Arbitragem; Flávio Rodrigues de Souza, Alex Ang Ribeiro e Danilo Ricardo Simon Manis / Federação Paulista de Futebol.

Gols: Éverton 23’, Diogo Barbosa 33’, Jorge 56’, Guerrero 68’, Neílton 79’ e Salgueiro 82’.

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Juan e Jorge; Márcio Araújo, William Arão, Mancuello (Fernandinho 85’) e Éverton (Cuellar 81’); Marcelo Cirino (Canteros 60’) e Guerrero. Técnico: José Ricardo Mannarino – Zé Ricardo.

BOTAFOGO: Sidão, Luiz Ricardo, Renan Fonseca, Emerson Santos e Diogo Barbosa; Aírton, Bruno Silva (Salgueiro 71’), Rodrigo Lindoso e Camilo; Rodrigo Pimpão (Neílton 57’) e Sassá (Canales 63’). Técnico: Ricardo Gomes Raymundo – Ricardo Gomes.

57º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Sábado, 5 de novembro de 2016.

Competição: Campeonato Brasileiro / 34ª rodada.

Local: Estádio Jornalista Mário Filho / Maracanã, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 44.388 pagantes / 49.382 presentes / 2.895 gratuidades / 2.099 cadeiras cativas.

Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves de Lima / Federação Gaúcha de Futebol, Fabrício Vilarinho da Silva / Federação Goiana de Futebol e Kléber Lúcio Gil / Federação Catarinense de Futebol.

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, William Arão (Leandro Damião 84’), Diego e Gabriel (Marcelo Cirino 72’); Guerrero e Fernandinho (Emerson 76’). Técnico: José Ricardo Mannarino – Zé Ricardo.

BOTAFOGO: Sidão, Alemão, Joel Carli, Emerson Santos e Victor Luiz (Gervasio Nuñez 88’); Aírton (Diogo Barbosa 74’), Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Camilo; Neílton (Sassá 82’) e Rodrigo Pimpão. Técnico: Jair Zaksauskas Ribeiro Ventura – Jair Ventura.

58º jogo

FLAMENGO 0 x 0 BOTAFOGO

Data: Domingo, 3 de junho de 2017.

Competição: Campeonato Brasileiro / 4ª rodada.

Local: Estádio General Silvio Raulino de Oliveira / Cidadania, em Volta Redonda / RJ.

Público: 8.753 pagantes / 10.577 presentes / 1.700 gratuidades / 124 tribunas.

Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva, Hélcio Araújo Neves e José Ricardo Guimarães Coimbra / Federação Paraense de Futebol.

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Juan e Trauco; Cuellar (Diego 59’), Márcio Araújo, William Arão (Leandro Damião 85’) e Éderson (Vinícius Júnior 67’); Éverton e Guerrero. Técnico: José Ricardo Mannarino – Zé Ricardo.

BOTAFOGO: Gatito Fernandez, Arnaldo, Joel Carli, Igor Rabello e Victor Luiz (Gílson 37’); Aírton (Dudu Cearense 45+3’), Bruno Silva, Matheus Fernandes e João Paulo; Rodrigo Pimpão (Joel 77’) e Roger. Técnico: Jair Zaksauskas Ribeiro Ventura – Jair Ventura.

59º jogo

FLAMENGO 0 x 2 BOTAFOGO

Data: Domingo, 10 de setembro de 2017.

Competição: Campeonato Brasileiro / 23ª rodada.

Local: Estádio Nílton Santos / Engenhão, no Rio de Janeiro / RJ.

Público: 5.155 pagantes / 6.311 presentes / 1.156 gratuidades.

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro, Guilherme Dias Camilo e Sidmar dos Santos Meurer / Federação Mineira de Futebol.

Gols: Roger 55’ e 68’.

FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Rafael Vaz, Rhodolfo e Trauco; Cuellar, Rômulo (William Arão 65’), Matheus Sávio (Éverton 70’) e Geuvânio (Berrio 59’); Guerrero e Éverton Ribeiro. Técnico: Reinaldo Rueda Rivera – Reinaldo Rueda.

BOTAFOGO: Gatito Fernandez, Arnaldo, Marcelo, Igor Rabello e Victor Luiz; Bruno Silva, Matheus Fernandes, Leandrinho (Dudu Cearense – intervalo) e Leo Valencia (Fernandes 80’); Rodrigo Pimpão (Guilherme 71’) e Roger. Técnico: Jair Zaksauskas Ribeiro Ventura – Jair Ventura.

Campeonato Brasileiro (1959 – 2017)

————————————————

– Jogos válidos: 59

– Vitórias do Flamengo: 19

– Vitórias do Flamengo fora do Estado do Rio de Janeiro: 1

– Vitórias do Botafogo: 12

– Vitórias do Botafogo fora do Estado do Rio de Janeiro: 2

– Empates: 28

– Empates fora do Estado do Rio de Janeiro: 0

– Total de gols no confronto: 129

– Média de gols por jogo: 2,18

– Total de gols do Flamengo: 70

– Média de gols do Flamengo: 1,18

– Total de gols do Botafogo: 59

– Média de gols do Botafogo: 1

– Maior número de gols do Flamengo: Ademar Pantera, Júnior e Zico / 3

– Maior número de gols do Botafogo: Jairzinho / 4

– Técnicos com o maior número de jogos pelo Flamengo: Carlinhos / 7

– Técnico com o maior número de jogos pelo Botafogo: Zagallo / 5

– Técnico com o maior número de jogos pelos dois clubes: Zagallo / 10

– Maior público: 135.487 / 19 de abril de 1981

– Menor público: 6.311 / 10 de setembro de 2017

– Maior invencibilidade do Flamengo: 21 jogos (10/10/01 a 28/7/13)

– Maior invencibilidade do Botafogo: 5 jogos (19/10/68 a 15/11/72 – 28/5/78 a 10/2/85 – 25/10/14 a 10/9/17)

– Árbitro com o maior número de atuações: José Roberto Ramiz Wright / 7

– Estádio com o maior número de jogos: Maracanã / 45